PEÇAS COM/SOBRE DIREITOS HUMANOS

RESUMO: Adaptado do texto "Liberdade, Liberdade" de Millôr Fernandes e Flávio Rangel. Atualização livre da obra com cenas inéditas.
ASSUNTO: Liberdade
ATORES  BRUNO, CLARISSA, GABRIEL, GERSON, LAERTE, LETÍCIA, MARCELA, MARIANA, MAURO, TAYNE e VINICÍUS
Sinopse: Jesus - ou um cara vestido de Jesus - volta ao mundo para tentar entender o que faz duas pessoas que cresceram nas mesmas condições sociais e financeiras tomarem rumos diferentes na vida. Num mundo onde a lei ficou mais rígida com a punição, noventa e nova por cento dos casos criminosos são resolvidos e o povo apoia o "olho por olho, dente por dente". Mas até quando a violência pode ter força até do lado dos que se dizem "de bem"?
Tema/descrição: Direitos Humanos
Personagens: PERSONAGENS: LUCIANO FERREIRA, LUCIANO FERRADO, FAMÍLIA FERREIRA (PAI, MÃE, TIO, TIA, PRIMA, ETC), FAMÍLIA FERRADO (PAI, MÃE, TIO, TIA, PRIMA, ETC), ESPOSA DE LUCIANO FERREIRA, GAROTA, PARTEIROS, POLICIAIS, BANDIDOS, TREINADORES, REPÓRTERES, REPÓRTER A, MÉDICOS, JESUS CRISTO.
Sinopse: As convicções de personagens avulsos se cruzam na realidade; todas as nossas teorias podem ser quebradas com mais experiência ou estudo. Hoje alguém é a favor da pena de morte, amanhã seu filho é o réu. Hoje alguém tem convicção na vida após a morte; depois de morrer, talvez não pense mais nisso.
Tema/descrição: Incertezas/Mentiras/Hipocrisias
PERSONAGENS: GUILE, LEANDRA, EFIGÊNIA, LAIO, IGOR, LETÍCIA e CESARINA.
RESUMO: Amigos de encontros, Esquerdalhão e Direitoso são dois palhaços aprendendo sobre as divergências dos seus lados políticos. Com humor e melodrama, Esquerdalhão e Direitoso discutem sobre o direito à justiça e a convivência em comunidade, com os formatos de sistemas possíveis; cada um com uma posição exageradamente definida e extremista, sempre pendendo para seus respectivos lados. 
ASSUNTO: Política
PERSONAGENS: Esquerdalhão e Direitoso
RESUMO: Um policial decide levar pra casa alguns bandidos jurados de morte. A liberdade, a morte ou ou o direito à sorte da vida na rua, são ditados pelo salvador com disciplina e musicalmente, à partir de agora. A bondade e a maldade decide o que o indivíduo merece? Racismo e imperfeições do ato de caridade do policial fazem o jovem Guilherme, recém salvo, duvidar da importância do recrutamento e criticar o sistema policial.
ASSUNTO: Bondade/Maldade/Polícia/Racismo
PERSONAGENS: Laércio, Guilherme, Anderson e Jonatas
RESUMO: O dinheiro é do patrão. A funcionária mulher recebe menos; é mãe solteira. O garoto estagiário é de berço de ouro, mas com segredos novelísticos. Competição empresarial, abuso sexual, golpes de classe e também golpes familiares, fazem a trama surrealista dessa rotineira e velha batalha entre o empregado e o empregador.
ASSUNTO: Dinheiro
PERSONAGENS: Sr. Rubens, Dominique e Ludmila
RESUMO: Os filhotes do lobo que morreu queimado na chaminé da clássica história dos três porquinhos buscam por justiça pela história do pai. Descobrir quem é o mocinho e quem é o vilão de uma história nem sempre é tão fácil assim.
PERSONAGENS: Cacau, Leau, Mingau, Colesterol e Papai Lobo Mau (vídeo ou sombra)
ASSUNTO: Bem e mal.
RESUMO: Três irmãos e o problema da sexualidade entre familiares em musical. Um dos irmãos é gay e o mais velho não aceita. A caçula e a mãe adoram o novo mundo, o diferente, a liberdade sexual da família. O mais velho conserva o pudor.
PERSONAGENS: Edgar, Leonardo, Angelina, Mãe e Boneca
ASSUNTO: Família/Liberdade sexual
RESUMO: A luta de classe finalmente chegou ao extremo do pastelão. Playboys versus marginalizados; madames versus mães solteiras; as dores da classe média contra as dores dos miseráveis. Um cientista é contratado para criar o Super Impitman para salvar o Brasil da corrupção e da cor vermelha. Enquanto isso, o Comuna Monster cresceu com a força das injustiças.
PERSONAGENS: Robson, Birú, Lucéia, Andréia Belmonte, Jorge, Ronald, Doutor Nosferatu, Rihana, Ivete, Geisla, Dony, Cop 1, Cop 2 e Repórter
ASSUNTO: Luta de classes
RESUMO: Roma decidiu cortar o seu pênis. ROMA: "O que eu queria? O que eu vou falar que eu queria? Sabe o que eu queria? Eu só queria entrar aqui, desse mesmo jeito, com essa mesma roupa e essa mesma cara peluda e apertar o botãozinho do foda-se pra toda essa merda. De repente eu nasci, aí inventaram que eu posso plantar isso, mas não posso plantar aquilo; que eu posso gostar de azul, mas não posso gostar de rosa; que eu tenho que manter a minha munheca rígida pra ser respeitado nesse mundo redondinho. A munheca rígida e um pau grande. Ser másculo e viril, colocar a mulher de quatro em todas as situações, ajoelhada sobre o meu poder de macho com esse meu músculo pendurado, massageando o meu saco por ser uma simples serva. Sabe o que eu queria? Sabe o que eu queria? Que vocês não tivessem medo dessa vida. Que vocês não tivessem medo do que não compreendem e do que não fazem parte. Eu só queria que os respirantes fossem respeitados, sejam eles branco, preto, azul, verde ou amarelo. Os que tem pinto e os que não tem, os que são frescos e os que não são. Os que são fortes e os que são fracos. Que merda é essa que a gente tá espalhando pro futuro? A gente tá aqui nesse planetinha, rodeado por estrelinhas, em uma galaxiazinha, num possível universozinho dentre tantos outros universozinhos, pra fazer o que da vida?
PERSONAGENS: Roma, Doutor e Judite
ASSUNTO: Gênero/Normatividade
RESUMO: Violência transfóbica vem sempre de um machão de passarinho pequeno. Estudos afirmam que homofobia é homossexualidade incompreendida.
PERSONAGENS: Goto/Gogo e Bela/Belo (dois atores)
ASSUNTO: Homofobia/transfobia
RESUMO: Discussão sobre a importância e/ou a não importância da burocracia e de uma regra geral sobre a arte, de uma autorização governamental para dizer quem é ou não é artista. Amadorismo e profissionalismo, quem tem o cajado divino pra classificar?
PERSONAGENS: ELE (com a participação de duas atrizes e de um ator). 
ASSUNTO: Arte/Artista
RESUMO: Um poeta, um marginal e um militante unidos por um propósito: discutir a crise existencial desse mundo problemático; revolução super heroica é coisa de moleque.
"A crise da juventude abandonada e desesperada. É bonito e digno sofrer pelas injustiças do mundo. Revolução não parece revolução enquanto está na fase da batalha. Terá os que dirão que somos vagabundos, que queremos luxos e conforto sem suar. Terá também os que tentarão nos matar. Terá os que dirão que é perda de tempo porque o mundo já está na merda, que só temos que aceitar as condições. Mas não dá pra dormir em paz. Desenvolvimento de uma nação não é prédios e economia estável. Desenvolvimento de uma nação é bem estar social para os que estão vivos e respirando agora, nesse instante. Todos. Eu e você. Eu, você e ele. Você, ele e eu. Ele, eu e você."
PERSONAGENS: Poeta, Marginal, Militante e Crise
ASSUNTO: Revolução
RESUMO: Novela teatral que discute a liberdade e a disputa por espaço no planeta. A Dona do Sol ficou conhecida por esse nome depois de processar famílias que construíram um edifício em frente ao seu sol de fim de tarde. Considerada fria e egoísta, também é proibida de expôr suas opiniões em uma rádio pirata, seu segundo refúgio em desespero. Depois de muita luta, porém, a Dona decide abrir mão dos seus direitos para não atrapalhar os direitos dos outros. E a busca por espaço continua em outros cantos, em outros assuntos, em outros refúgios.
PERSONAGENS: Dona, Juiz, Advogados, Promotores, Policiais, Júri, Repórteres, Cigana, Famílias e Dona Carla
ASSUNTO: Liberdade e direito ao espaço
RESUMO: Discussão sobre liberdade de expressão em ficção surrealista. Até que ponto podemos zombar da fé do próximo? Até que ponto podemos nos ofender quando riem das nossas verdades? Qual o limite para a experimentação e expressão artística? Qual o limite da dor do ofendido?
PERSONAGENS: Três atores e três atrizes (ou seis artistas)
ASSUNTO: Religião/Sexo/Liberdade de Expressão
RESUMO: Ficção que ilustra a disputa de espaço entre o burguês e o pobre. Todo mundo precisa de um canto nessa terra, mas enquanto uns não tem nada, outros se acham no direito de ter o triplo, mesmo que o espaço esteja apodrecendo. Enquanto uns vêem beleza na flor que nasce no muro frio, outros sentem prazer no ter mais que o outro simplesmente por poder sobre o outro. A morte da inocência é consequência dessa injustiça.
PERSONAGENS: Hahá, Émeu e Passarinha
ASSUNTO: Direito ao espaço/Luta de classes
Sinopse: Conspiração eleitoral e romântica de um jovem militante de esquerda.
Tema/descrição: Política/Eleições 2014
Personagens: RENATA, CLAITON, JUDSON, DONA IRENE, MONICA, PÉRICLES, GILBERTO, ROSANA, SARGENTO, MILITARES, CORO: STELA/WANDA/LUIZA/PATRÍCIA, MANIFESTANTES DO LADO A, MANIFESTANTES DO LADO B
Sinopse: Um asilo particular. Seu Guilherme é um senhor que teve crises infantis e desapareceu. Os outros moradores do asilo descobrem surpresas e mais surpresas sobre o vovô moderno, que ficou irreconhecível aos olhos da neta querida. Gravidez, piercing no mamilo, drogas, etc. Seu Guilherme decidiu virar criança de novo, porque quando era criança teve que crescer cedo.
Tema/descrição: Motivação
Personagens: Dona Lurdes, Dona Luzia, Seu Tião, James, Violeta, Valquíria e Seu Guilherme.

Nenhum comentário:

Postar um comentário